Ter previsibilidade nos negócios é algo que todo empreendedor deseja. Quem nunca passou por uma situação imprevista que comprometeu o caixa, como por exemplo, pedido de demissão de vários funcionários no mesmo mês, alguma máquina cara quebrada ou uma mudança na legislação? 

Muitas vezes é difícil mesmo prever algumas situações, mas é possível preparar o caixa da empresa por meio da Provisão Trabalhista. Nós preparamos um conteúdo que irá ajudar você a se preparar e não correr risco de ficar no prejuízo, confira:

O que são provisões trabalhistas?

Antes de qualquer coisa, é necessário entender sobre o significado da palavra. Já sabemos que a previsibilidade contábil é muito importante para organizar as finanças da sua empresa. Nesse âmbito, as provisões se tratam de uma reserva para despesas já esperadas, mesmo que ainda não tenham sido pagas. Em qualquer empresa, o planejamento contábil e financeiro é fundamental para a segurança e o sucesso do negócio, dessa forma, a provisão será imprescindível e representa um papel fundamental nesse processo orçamentário.

As provisões servem para contabilizar uma variação patrimonial ocorrida cujo valor exato ainda é desconhecido, sendo assim, há a certeza do acontecimento, mas não se sabe exatamente o valor envolvido. Provisionar significa reconhecer uma obrigação esperada que resultará na saída de dinheiro do negócio, assim, o provisionamento financeiro tem a ver com deixar sua empresa preparada para acontecimentos que você tem certeza que ocorrerão no futuro.

Exemplos de Provisão incluem:

  • Provisão para Imposto de Renda;
  • Provisão de Décimo Terceiro;
  • Provisões da Folha de Pagamento;
  • Provisão de Rescisão;
  • Provisão de Férias.

O final de ano está quase chegando e é uma época que deve haver muita atenção por parte dos gestores e setores administrativos de cada empresa. Afinal, nos meses de Outubro a Dezembro, há muitas obrigações legais da empresa que precisam ser cumpridas, como o pagamento de 13º salário e em alguns casos, férias coletivas, se houver. 

Veja também nosso conteúdo: 5 Dicas para a gestão de fluxo de caixa na sua empresa.

Diferença entre provisões e reserva no planejamento contábil:

Provisões e reservas costumam ser confundidas, pois ambas se referem a determinada quantia de dinheiro que a empresa retém, que carregam de fato uma grande diferença entre elas. Muitas vezes são confundidas, pois podem ser semelhantes no momento em que as duas fazem uma reserva de uma determinada quantia em dinheiro. No entanto, os conceitos são bem diferentes, conforme veremos a seguir.

Provisões: As provisões são expectativas de redução do ativo (bens e direitos) ou de aumento do passivo (obrigações). Ou seja, elas representam uma estimativa de perda patrimonial, que pode vir tanto da diminuição do valor de um bem ou direito quanto do efetivo desembolso de dinheiro para pagar determinada obrigação.

Reservas: As reservas são formadas por valores recebidos pela empresa sem nenhuma obrigatoriedade de entrega de bens ou prestação de serviços. Isso significa que, diferentemente das provisões, elas não representam saída de caixa ou diminuição do patrimônio.

Para enfatizar e ficar ainda mais claro, as provisões caracterizam-se por expectativas de obrigações ou de perdas de ativos, que acarretam em uma diminuição do Patrimônio Líquido da empresa. Já as reservas são entendidas como um reforço do Patrimônio Líquido da empresa, sendo que o valor guardado evitará que este venha a ser afetado por eventuais resultados negativos nos exercícios futuros. Ambas podem ser usadas em qualquer regime tributário.

Acesse: Como gerir as finanças do seu negócio.

Qual é a vantagem de realizar uma provisão?

Como todas as obrigações trabalhistas têm prazos para pagamento, a sua empresa deverá sempre estar preparada para não ser pega de surpresa com um custo inesperado. Nós vimos neste blog que a principal vantagem contábil da provisão é o registro de todos os fatos para que seja possível avaliar a situação atual do patrimônio e assim não ter surpresas desagradáveis e/ou influências negativas no caixa da empresa. 

Além disso, outra vantagem é que nesse planejamento conseguimos apurar o resultado das operações empresariais, conhecendo seu lucro exatamente e ainda quais são as despesas da empresa, possibilitando assim a realização de um planejamento financeiro adequado. As principais provisões são obtidas com base nos salários, devedores duvidosos e depreciação,  não sendo únicas, mas as mais comuns.

Nós vimos que através da provisão, é possível se adiantar sobre valores e até eliminar dívidas, pois ela é nada mais é que uma antecipação da despesa que você terá no futuro, por isso se torna essencial em todo negócio. Saiba que contar com a ajuda de um profissional da contabilidade nesse processo é importante, pois ele poderá realizar uma provisão bem feita ao longo do ano embasada em dados corretos. 

Caso tenha alguma dúvida referente ao assunto, nos envie uma mensagem por esse link. Nossos consultores estarão prontos para atender você e tirar todas as suas dúvidas!

Clique aqui e veja: Qual a importância de um contador para o sucesso de uma empresa?

Equipe Marbo. 🧡