Lucro Presumido, entenda de uma vez por todas!

Posted by Luiz Paulo Castro on 29/11/2019 14:35:01
Luiz Paulo Castro

O Lucro Presumido, faz parte de um dos regime tributário existente. Para alguns empreendedores pode ser considerado como um fator positivo, mas para outros pode ser um fator negativo. Descubra neste artigo o que é  Lucro Presumido e quais são algumas das suas vantagens e desvantagens desse regime tributário. 

O que você verá neste artigo: 

  • Lucro Presumido 
  • Vantagens e desvantagens do Lucro Presumido
  • Conclusão

Lucro Presumido

O Lucro Presumido, é um regime tributário. Esse regime é feito com base num calculo tributário que terá como finalidade o pagamento do IRPJ Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e CSLL Contribuição Social sobre o Lucro Líquido.  Por se tratar de um regime simplificado sua alíquota já é pré estabelecida. 

Esse tipo de Regime facilita o cálculo do Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) e a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL). Basicamente a Receita federal faz uma previsão do lucro que a empresa irá gerar por meio da sua atividade exercida.

Um dos pontos negativos de se enquadrar nesse regime é que a sua empresa pode pagar alguns impostos a mais em algumas ocasiões.

Tome nota: Corretoras e Bancos não podem enquadrar nesse Regime, apenas no Lucro Real.

Nesse regime o teto de faturamento é de até R$ 78 milhões anuais sendo uma média de R$ 6.500,00 milhões mensais

R$78.000.000,00 / 12 = R$ 6.500.000,00 

Tome nota: Os Imposto de Renda da Pessoa Jurídica IRPJ e a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido CSLL ocorrem trimestralmente 15% e 9% do lucro presumido. Os impostos que deverão ser cobrados sobre o faturamento da empresa são PIS 0,65% / COFINS 3% / ISS de 2,5 a 5%, de acordo com a cidade e o serviço.

Lucro Presumido

No lucro presumido é feito contribuições por meio de alíquotas fixas predeterminadas evitando que você tenha que declarar o Imposto de Renda da Pessoa Jurídica a cada três meses. O calculo é feito com base na apuração trimestral sendo de três em três meses, nos últimos dias dos meses de março, junho, setembro e dezembro. Fique atento quanto a seguimento da sua empresa, pois as alíquotas podem variar conforme as atividades empresariais. 

Tem alguma dúvida do Lucro Presumido?

Entre em contato com a gente, ajudaremos você! 👇

Lucro PresumidoVantagens e desvantagens do Lucro Presumido

Assim como em outros regimes de tributação como vimos no Simples Nacional são encontrados vantagens e desvantagens, não é diferente no Lucro Presumido. Veja algumas vantagens e desvantagens desse regime tributário.

Vantagens

  • Facilidade para calcular os impostos por serem pré-fixadas; 
  • Mesma quantidade de imposto pago caso a empresa fature mais que a media nacional.

Desvantagens 

  • Se o lucro da empresa for menor corre risco de pagar mais impostos; 
  • A complexidade para distribuição de lucros entre os sócio.

 

Conclusão

O Lucro Presumido é um regime tributário assim como o Simples Nacional ou Lucro Real. Uma das suas principais diferenças é por se tratar de um regime simplificado sua alíquota já é pré estabelecida.  Como qualquer outro regime tributário possui fatores positivos e fatores negativos. É recomendado procurar por um especialista para auxilia-lo na escolha do Lucro Presumido. 

 

Gostou deste artigo? Você irá adorar esse também! 👇

Calculadora: Comparativo Simples Nacional ou Lucro Presumido

 

Abraço do time Marbo! 💛

 

 

 

Topics: contabilidade

Assine agora