15851

Veja como gerar o código de acesso do SIMPLES!

Posted by Luiz Paulo Castro on 29/11/2019 18:15:00
Luiz Paulo Castro

Você já precisou fazer algumas alterações cadastrais no site do Simples Nacional? É bem provável que você já se deparou com o código de acesso para solicitar a alteração. Nesse artigo preparamos um passo a passo de como gerar o código de acesso do Simples Nacional. Veja e siga os próximos passos. 

 

O que você irá ver:

  • Posso optar pelo Simples Nacional?
  • Como solicitar o enquadramento?
  • Como calcular e emitir o DAS
  • Veja o 1° Passo
  • Veja o 2° Passo
  • Veja o 3° Passo
  • Veja o 4° Passo

 

Posso optar pelo simples nacional?

 

Sim, desde que a sua empresa tenha características elegíveis. Para sua empresa ser enquadrada no simples deve-se levar em conta algumas regras, são elas:

Não pode:

  • Ultrapassar o limite máximo de faturamento - para as microempresas (ME) o valor é de R$ 900.000,00 e para as de pequeno porte (EPP) é de R$ 4.800.000,00;
  • Possuir dívidas com o governo (principalmente INSS), possuir sociedade em outras empresas, ter CNPJ como societário ou possuir representantes no exterior;
  • Possuir CNAE impeditivo.

 

Como solicitar o enquadramento?

 

Agora que você já sabe se a sua empresa é ou não elegível, começa o processo de solicitação. O processo de solicitação para enquadramento é feito exclusivamente no mês de janeiro de cada ano, para ser mais exato, até o dia 29 de janeiro. Após esse prazo, uma nova solicitação só poderá ser feita em janeiro do ano seguinte.

 

Então, não esqueça de se atentar aos prazos e resolva todas as pendências da sua empresa antes do prazo terminar. 

 

Conheça nossos planos! 👇

CTA 2

 

Como calcular e emitir o DAS

 

Você sabia que antes da criação do simples, era necessário emitir vários tributos através de guias e procedimentos específicos? Agora com o simples, esses tributos já são calculados em uma única guia o DAS.

 

Leia esse post: Simples Nacional: entenda tudo na hora de optar por esse regime!

 

O valor é calculado pelo próprio site e pode ser acessado pelo contribuinte  via internet. É obrigatório utilizar o sistema da Receita Federal para calcular o valor e obter a impressão do documento de arrecadação.

 

Para fazer o cálculo, primeiramente descubra em qual anexo sua empresa está inserida. 

 

Para consultar o anexo e a atividade (CNAE) 

 

Com isso em mãos, o passo seguinte é o calcular o valor do imposto:

 

Descubra qual é a atividade e faixa de faturamento você está inserido. Depois, multiple o valor do faturamento no mês com o valor da alíquota referente.

 

Exemplo: Se uma empresa possuir rendimento anual de R$ 150 mil e no mês um faturamento de R$ 10 mil, o valor da alíquota será de 6,0%.

 

R$ 10.000,00 x 6,0% = R$ 600,00 de imposto  

 

OBS: Os valores podem variar dependendo da atividade exercida e em qual anexo ela está inserida. Se uma empresa desenvolve outras atividades secundárias deve ser feito o cálculo observando os valores da alíquota e sua faixa de faturamento no mês correspondente.

 

Você deve considerar alguns pontos:

 

  • Uma empresa pode exercer mais de uma atividade e com diferentes alíquotas.

 

As empresas que possuem sua atividade no anexo V tem um fator adicional para o definir a alíquota. A folha de pagamento. Aqui deve ser feito um cálculo antes de verificar o valor da alíquota. Você precisa dividir a folha de pagamento pelo valor de vendas, para encontrar o valor da representatividade da folha de pagamento.

 

Exemplo: Se a empresa possuir R$ 12.000,00 de vendas e pagar R$ 1.200 em salários, o valor de representatividade será de 10%.

 

Veja o 1° Passo

 

Acesse o site do Simples Nacional clicando aqui neste Link 

Ao acessar o link você irá se deparar com essa tela: 

 

1-1111111117

 

Veja o 2° Passo

 

Nesta aba você deverá preencher com os seguintes dados

  • CNPJ 
  • CPF do responsável 

Após digitar os respectivos dados, você deverá realizar a confirmação de segurança dos caracteres ao lado e em seguida clicar em validar para obter o seu código de acesso do simples nacional.

 

Podemos te ajudar! 👇😉

CTA NOVA

Veja o 3° Passo

 

Logo em seguida será solicitado que preencha mais alguns campos, podendo ser algum desses. 

  • Número do título eleitoral;
  • Data de nascimento do responsável da MEI;
  • Número do recibo de entrega do IRPF;
  • Ano de exercício da declaração.

 

Será necessário realizar novamente a verificação de segurança dos caracteres ao lado e logo clique em continuar para ter o código de acesso Simples Nacional.

 

Veja na imagem abaixo!

3-4

 

Veja o 4° Passo

 

Tudo finalizado e seu código será apresentado!

O código de acesso do simples nacional aparece em vermelho na parte inferior da tela do computador. Caso você já tenha um será gerado um novo código. Lembre-se de guardar com você em um local seguro!

 

Conheça os nossos planos clicando aqui!

 

Veja na imagem abaixo!

2-22222227

 

Gostou desse passo a passo? Veja estes artigos 👇

Imposto no Brasil: por que sua empresa deve pagar em dia!

6 motivos para contratar a Marbo Contábil

 

Abraço do time Marbo! 💛

Topics: Fiscal

Assine agora